TEATRO “CATARINA E A BELEZA DE MATAR FASCISTAS” C. CULTURAL VILA FLOR GUIMARÃES

Written by on 18/09/2020

19 e 20 SETEMBRO

Há lugar para a violência na luta por um mundo melhor?

DURAÇÃO

150 minutos

PROMOTOR

Oficina CIPRL

Tiago Rodrigues (Prémio Pessoa 2019) traz ao CCVF a estreia absoluta da sua mais recente encenação.

Esta família mata fascistas. É uma tradição com mais de 70 anos que cada membro da família sempre seguiu. Hoje, reúnem-se numa casa no campo, no sul de Portugal, perto da aldeia de Baleizão. A mais jovem da família, Catarina, vai matar o seu primeiro fascista, raptado de propósito para o efeito. É um dia de festa, de beleza e de morte. No entanto, Catarina é incapaz de matar ou recusa-se a fazê-lo. Estala o conflito familiar, acompanhado de várias questões. O que é um fascista? Há lugar para a violência na luta por um mundo melhor? Podemos violar as regras da democracia para melhor a defender? Entretanto, surge por vezes o fantasma de uma outra Catarina, a ceifeira Catarina Eufémia que foi assassinada em 1954, em Baleizão, durante a ditadura fascista. Catarina Eufémia aparece durante a noite, enquanto a família dorme, para conversar com o fascista de 2020 que aguarda o seu destino.

Centro Cultural Vila Flor, Av. D. Afonso Henriques, 701 GUIMARÃES


Current track

Title

Artist