Current track

Title

Artist

Current show

Background

54º FESTIVAL DE MÚSICA DE SINTRA 2019 – DA CORTE ÀS RUAS

Written by on 05/09/2019

 54º Festival Internacional de Música de Sintra tem como mote “Da Corte às Ruas”. De 6 Setembro a 1 Outubro.

O Festival Internacional de Música de Sintra vai regressar, de 6 de setembro a 1 de outubro, com orquestras, coros e artistas e realização em diferentes locais do concelho, com Sintra como cenário.

A 54ª Edição deste Festival mobiliza intérpretes como os pianistas Nelson Freire, Mário Laginha; Ana Fedorova e Cédric Tiberghien, e orquestras como a Gulbenkian, a Sinfónica Portuguesa e a Orquestra Chinesa de Macau. O festival será “testemunho das contaminações entre o `velho mundo` e as sucessivas novas práticas sociais”, que impulsionaram as mudanças para a modernidade, nas artes e da música, numa programação variada cujos palcos vão ser o Centro Cultural Olga Cadaval, o Palácio Nacional de Sintra, o Palácio Nacional de Queluz, a Igreja de Nossa Senhora da Misericórdia de Belas, a Igreja de Nossa Senhora da Purificação (Montelavar) e a Sociedade Filarmónica União Assaforense.

Este emblemático festival é organizado pela Câmara Municipal de Sintra com o apoio da Parques de Sintra Monte da Lua.

A música foi sempre uma parte importante do quotidiano das comunidades na Europa moderna, numa comunicação e transmutação constantes entre a Corte, a Igreja e o espaço popular. Transversal ao ambiente religioso e profano, fosse de forma profissional ou amadora, o apelo da prática musical estendeu-se de forma irresistível por entre a Corte e as Ruas, contaminando-se nos estilos, nas práticas e na estética musical. Dos palácios e dos salões da burguesia, pela ópera e pelas igrejas, a inspiração criativa apropriou-se indiscriminadamente dos estilos, que se alastraram aos Teatros, bairros populares e à música doméstica, numa recriação contínua em vasos comunicantes.

Na edição de 2019 do seu Festival de Música, Sintra – local de Paço Real e Palácios da Corte portuguesa durante longos períodos – será cenário e testemunha dessas contaminações entre o Velho Mundo e as sucessivas novas praticas sociais que acompanharam as mudanças para a modernidade, através do rasto que foram deixando nas artes e na música.

Gabriela Canavilhas
Diretora Artística do 54º Festival de Sintra

(via: festivaldesintra, guiadacidade)