NAS FESTAS LISBOA 2018 HÁ FADO NO CASTELO SÃO JORGE A 14, 15 E 16 JUNHO ÀS 22.00H.

Escrito por em 11/06/2018

Carlos do Carmo, Carminho e Camané sobem ao palco no cenário mágico do Castelo de São Jorge, acompanhados por três convidados especiais: António Serrano, Filipe Cunha Monteiro e Laurent Filipe.
Os concertos estão agendados para os dias 14, 15 e 16 de Junho, sempre às 22h.
14 de Junho
Carlos do Carmo convida António Serrano

Falar de Carlos do Carmo é falar de Lisboa, da cidade dos pregões e das gaivotas. Dono de uma voz inconfundível, Carlos do Carmo canta a saudade, os amores não correspondidos, a solidão, a primavera com andorinhas, os “putos”, a esperança e o futuro. Um Homem na Cidade, O Cacilheiro, Fado do Campo Grande, O Amarelo da Carris ou O Homem das Castanhas são apenas alguns dos temas que fazem parte de um longo repertório.

Nascido em Madrid em 1974, António Serrano iniciou os seus estudos musicais aos sete anos. Ao completar a formação musical, começou a atrair a atenção como harmonicista. Serrano começou a sua relação com o jazz depois de descobrir gravações antigas de Louis Armstrong e do belga Toots Thielemans. Ao longo do seu percurso, foi alternando entre colaborações com artistas de flamenco e de pop e uma carreira a solo, que conta já com cinco álbuns em nome próprio.

15 de Junho
Carminho convida Filipe Cunha Monteiro

Carminho estreou-se a cantar em público aos doze anos, no Coliseu. Em 2009 editou o seu primeiro álbum, Fado, considerado um dos melhores álbuns do ano pela revista britânica Songlines. Com Perdoname, com Pablo Alborán, Carminho tornou-se na primeira artista portuguesa a atingir o número 1 do top espanhol. Em 2012, lançou o segundo álbum, Alma. No final de 2014 editou Canto e em 2016, a convite da família de Tom Jobim, gravou Carminho canta Tom Jobim.

Filipe Monteiro aprendeu muito novo a tocar piano, órgão e guitarra. Ainda adolescente, começou a compor temas originais para várias peças de teatro e depois de algumas experiências em bandas de garagem, colaborou na formação dos Atomic Bees, com quem gravou Love Noises and Kisses. Rita Redshoes, parte integrante do grupo, seguiu carreira a solo e Filipe Monteiro acompanhou-a. Como a música, a imagem (em especial, o vídeo) é uma parte essencial do trabalho que produz.

Dia 16 de Junho
Camané convida Laurent Filipe

Camané é um dos fadistas mais aclamados a nível nacional e internacional, reconhecido por temas como Sei de um rio, Complicadíssima teia, A Guerra das Rosas, Ela tinha UmaAmiga ou Senhora do Livramento, entre muitas outras. Em Agosto de 2017, foi distinguido com o Prémio Tenco, atribuído também aos italianos Vinicio Capossela e a Massimo Ranieri.

Trompetista, compositor e produtor, Laurent Filipe nasceu em São Paulo, Brasil. Começou a tocar e a gravar em Portugal aos quinze anos. Ao longo dos anos tem atuado como líder do seu próprio grupo e como “sideman” em diversos clubes e festivais de jazz nos EUA e na Europa. Recebeu o prémio “Art Farmer Performance Award” (EUA, 1985), o prémio de “Melhor Solista 1990” no Festival Internacional de Jazz de Guetxo (Espanha), o prémio “Melhor Músico de Jazz” do programa “Cinco Minutos de Jazz, RDP” em 1996.

Os concertos têm entrada gratuita, sujeita ao limite da lotação e mediante levantamento de bilhete no dia do espetáculo, na bilheteira do Castelo de São Jorge ou no Museu do Fado, a partir das 20h.

(via: Festas de Lisboa, Portal do Fado, culturanarua)

NTR – Network Rádio

A Rádio Que Se Distingue na Rede

Current track
TITLE
ARTIST

Background